A ADOLESCÊNCIA E SUAS TRANSFORMAÇÕES

0

A adolescência é a fase que mais gera transformações e consequentemente mais gera insegurança.

Nesta fase, acontece um grande salto cognitivo, ou seja, os adolescentes descobrem muitas coisas muito rapidamente, o que lhes torna mais fácil compreender o mundo que os cerca.

É neste momento da vida que os indivíduos chegam às conclusões de que o mundo, muitas vezes, não é exatamente da forma como sempre lhe foi mostrado. Por esse motivo, os adolescentes começam a questionar as ideias, as posturas e opiniões dos adultos com quem convivem. Usualmente quem mais percebe essa mudança são os pais que estão mais próximos à ele.

Toda essa mudança de desenvolvimento cógnito, que pode ser gradativo ou abrupto, podem desencadear crises que certamente afetarão não só o adolescente, mas todos aqueles que com ele convivem.

Este difícil processo de formulação de opiniões, acaba por gerar nos pais a sensação de que não conhecem mais seus filhos, de que falharam na sua educação e de que seus filhos estão se afastando deles. Quando, na verdade, o que esses adolescentes querem e precisam é conquistar o respeito dos outros indivíduos a partir da formulação da sua identidade individual adulta, que está em formação.

Smith (2012, p.230) nos fala que ao longo desse processo, os adolescentes precisam resolver algumas questões desenvolvimentais importantes, tais como: aprender a aceitar a transformação do próprio corpo; sentir-se à vontade com sua sexualidade e aprender a expressá-la de maneira segura e responsável; aprender a se sentir menos emocionalmente dependente de seus pais mediante o desenvolvimento de relacionamentos mais próximos com companheiros de ambos os sexos; escolher um caminho educacional e de carreira e se preparar para uma independência econômica e desenvolver um código de ética ou conjunto de valores pelos quais guiará sua vida.

Isso tudo não acontece rapidamente e nem da mesma maneira em todos os adolescentes, muitas adolescentes chegam na fase adulta ainda com muitas lacunas a serem preenchidas.

É importante que os pais saibam que os adolescentes que possuem um sistema familiar estável é mais propenso a lidar com sucesso os riscos da adolescência.

Tânia Harnik Fernandes

Psicopedagoga e Arteterapeuta

19/07/2013

 

 

Smith, C.  Dificuldades de Aprendizagem de A a Z: guia completo para educadores e pais. Porto Alegre: Penso, 2012.

 

Mostrar Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>